Lubrificantes para mancais de base sintética: quais as vantagens?

Os lubrificantes para mancais de base sintética vêm assumindo cada vez mais importância em situações especiais. Eles possuem características que os destacam dentre os diversos tipos de óleos mais comuns do mercado, além de contribuírem com aspectos ambientais e de segurança do trabalho. Quer saber quais são as vantagens de utilizar esses produtos? Confira!

O que são e como funcionam os mancais?

Os mancais são usados para realizar suporte fixo aos eixos. Geralmente são formados por uma estrutura de ferro fundido bipartida (base tampa), que fecha o casquilho, no qual gira um eixo. Existem alguns tipos desse componente, como os de escorregamento, deslizamento ou bucha; de rolamento; os hidrodinâmicos; hidrostáticos e aerostáticos.

A manutenção dos mancais ocorre constantemente em qualquer indústria. Esses tipos de elementos são comuns em máquinas e em alguns equipamentos mecânicos, possuindo algumas especificações de tempo de vida útil e capacidades extremamente rigorosas.

Necessidade de manutenção e lubrificação de mancais

Uma correta manutenção preventiva e a constante lubrificação de mancais assegura um aumento na longevidade desses componentes. Esses são procedimentos que possuem grande destaque, pois acabam evitando paradas inesperadas na produção para correção de falhas, diminuindo os custos industriais.

A principal forma de desgaste dos mancais ocorre em virtude do atrito. Os equipamentos de deslizamento, conhecidos também por mancais de escorregamento, são aqueles que tem necessidade de lubrificação com uma maior quantidade de lubrificante para mancal, em função do grande atrito entre o eixo e a bucha.

Com lubrificação a óleo em mancais em intervalo ou contínua, pode se atingir uma vida útil sem limite. Através de um dimensionamento criterioso do mancal e com uma alimentação suficiente de lubrificantes, altas cargas e elevadas rotações são possíveis. Além disso, é necessário escolher um tipo de produto apropriado e de viscosidade adequada.

Lubrificantes para mancais de base sintética

Os lubrificantes para mancais de base sintética são provenientes da indústria petroquímica. São os melhores em termos de qualidade, mas são também apresentam custo mais elevado. Os mais empregados são os polímeros, os diésteres, entre outros.

Seu uso é extremamente útil nos locais onde os óleos convencionais não podem ser utilizados. Óleos básicos com base mineral contendo alta quantidade de aromáticos, possuem, frequentemente, uma pior compatibilidade com materiais sintéticos e elastômeros. Nesse caso, os lubrificantes para mancais de base sintética cumprem melhor a função.

Com desempenho superior também para engrenagens e compressores, os óleos sintéticos para mancais à base de Polialfaolefinas (PAO), por exemplo, são projetados para proporcionar benefícios extraordinários em eficiência, maior vida útil do lubrificante e proteção dos equipamentos. Sua formulação é elaborada para oferecer:

  • Proteção excepcional contra pressão extrema (EP) e antidesgaste;
  • Barreira contra o micropitting, ferrugem e corrosão;
  • Resistência contra a formação de espuma;
  • Alta estabilidade térmica;
  • Efeito antioxidante;
  • Elevada adesividade;
  • Resistência na formação de depósitos e borras;
  • Compatibilidade total com a grande maioria dos elastômeros plásticos;
  • Redução no consumo de lubrificante.

Além dos benefícios citados, ao contrário do óleo mineral, um lubrificante sintético para mancal é considerado atóxico, garantindo maior segurança e conforto ao trabalhador nas áreas de trabalho.

Outro ponto vantajoso do óleo de mancal sintético é a sua alta biodegradabilidade, ou seja, elevada capacidade de ser decomposto pelos microorganismos usuais quando descartado, o que contribui para a preservação do meio ambiente.

A Cadium possui uma linha completa de óleo lubrificante para mancais de base sintética e alta performance para atender todas as necessidades da indústria. Acesse e conheça POLISYNTHE S 100 e POLISYNTHE S 1000.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *