Afinal, o que são os solventes hidrogenados e para que servem?

Os compostos leves de origem do refino do petróleo, ao serem fracionados, geram vários tipos de solventes, normalmente composto por misturas de hidrocarboneto alifático e hidrocarboneto naftênico.

Estas frações sofrem um processo de hidrogenação catalítica que tem como objetivo saturar as olefinas, reduzir as impurezas e eliminar o enxofre, fazendo com que se obtenha um solvente hidrogenado contendo um teor de aromático muito baixo.

Neste processo é gerado o famoso solvente ecológico, que é um produto estável, atóxico e com baixo odor acentuado, que também é conhecido por destilado hidrotratado leve ou por isoparafina.

Só existe um tipo de solvente hidrogenado?

Estão disponíveis no mercado vários tipos de solventes hidrogenados, e estes normalmente são comercializados de acordo com duas classificações físico-químicas: uma é através do seu ponto de fulgor (que é a menor temperatura que o produto libera vapores suficientes formar uma mistura inflamável), e outra pode ser a classificação através da faixa de destilação que se foi obtida a fração.

Quando menor é o ponto de fulgor (P.F.), ou a faixa de destilação, mais volátil é o solvente (ele evapora mais rapidamente). E quanto maior for este ponto de fulgor e a faixa de destilação, menor é esta volatilidade (o produto é mais oleoso).    

Quais são os tipos de solventes hidrogenados comercializados?

  • Solvente hidrogenado com ponto de fulgor com 40º C (faixa de destilação entre 145º C e 210º C), que também é conhecido por Solvente D40 ou Eco 145/210.
  • Solvente leve hidrogenado com ponto de fulgor com 60º C e faixa entre 175º C e 235º C, também conhecido por Solvente D60 ou Eco 175/235.
  • Solvente atóxico com ponto de fulgor com 80º C (destilação entre 195º C e 240º C), é comercializado como Solvente D80 ou Eco 195/240.
  • Solvente mineral inodoro com ponto de fulgor elevado onde encontramos o Solvente D100 (Eco 225/255) com 100º C de Ponto de Fulgor, e o Solvente D110 ou Eco 255/285, que apresenta ponto de fulgor entre 115º C e 120º C.

Devido a apresentarem uma menor característica de solvência, e por possuírem uma oleosidade maior, estes fluídos ecológicos também são conhecidos pelo nome de óleo leve hidrogenado.

Como podemos saber qual aplicação certa para cada tipo de solvente hidrogenado?

Solvente hidrogenado D40 (ponto de fulgor com 40ºC), é largamente utilizado nas seguintes aplicações

  • Pela indústria química na fabricação de domissanitários e aerossóis;
  • Pela indústria mineradora como agente de flotação de minério;
  • É muito utilizado na fabricação de tinta para decoração devido ao baixo odor característico, bem como na fabricação de cera protetora automotiva;
  • Como produto para a lavagem a seco por ser um produto que não ataca as fibras e acessórios plásticos dos vestuários;
  • Em substituição da aguarrás, onde se necessita do uso de um solvente não tóxico.

Solvente hidrogenado D60 (ponto de fulgor com 60ºC), tem os seguintes usos

  • Pelo agronegócio na fabricação de pesticidas e na dissolução de inseticida;
  • Pela indústria de lubrificante na produção de fluído de proteção temporária usado durante o transporte de peças e máquinas;
  • Na fabricação de vermífugo para madeira;
  • Nas empresas que realizam controle de pragas e formuladores (dedetizadores) para a produção de cupinicida e formicida;
  • Pela indústria química na fabricação de desengraxante atóxico e solvente para a limpeza industrial, é o chamado solvente ecológico ou solvente atóxico.

Solvente hidrogenado D80 (ponto de fulgor com 80ºC), é empregado nos seguintes produtos

  • Na fabricação de solvente e desengraxante industrial, para aplicações onde se necessita uma maior segurança contra riscos de incêndio;
  • Na fabricação de fluído lubrificante para a laminação a frio de metais;
  • Na diluição de silicone;
  • Usado pelas dedetizadoras como veículo para a fabricação mata barata, inseticida e mata cupim (isoparafina para cupim);
  • Em várias aplicações em substituição a querosene, onde se deseja um solvente com baixa toxidade e que apresente um menor risco de inflamabilidade.

Solvente hidrogenado D100 ou Solvente hidrogenado D110

Também chamados por solvente alifático hidrogenado, ou solvente de petróleo hidrogenado, por ser um “solvente pesado”, ou seja, tem características mais parecidas com as de um óleo, também é conhecido por óleo mineral leve ou simplesmente por óleo leve, e são utilizados nas seguintes aplicações:

  • Pela indústria de lubrificante na fabricação de óleo de corte de baixa viscosidade, na produção de óleo para eletroerosão (também chamado de solvente dielétrico ecológico) e na fabricação de desengraxante ecológico onde se necessita utilizar na formulação um solvente hidrocarbônico;
  • Na fabricação de tinta de impressão offset e de tinta para secagem em estufa, apresentando um melhor desempenho se comparado com as isoparafinas, por possuir um maior poder de solvência.
  • Por possuir maior capacidade de dissolver mais facilmente os constituintes das formulações de produtos químicos, tem larga aplicação na fabricação de insumos agroquímicos, de antiespumantes, como agente aglutinador de pigmentos concentrados (marterbatch), como plastificante secundário na fabricação de plastisol, na fabricação de produtos químicos para o tratamento de gordura, na substituição do signal oil, como fluído atóxico para queima em lamparina, entre outras aplicações.

Se necessitar de mais informações sobre os solventes hidrogenados, entre em contato com a CADIUM LUBRIFICANTES.

Possuímos uma completa linha de desengraxantes atóxicos formulados à base de solventes hidrogenados (http://www.cadium.com.br/work-category/desengraxante-biodegradavel/), além de uma ampla linha de fluídos atóxicos, solventes hidrogenados e óleos leves hidrogenados (http://www.cadium.com.br/work-category/solvente-hidrogenado/) adequados às suas necessidades.

Consulte a CADIUM LUBRIFICANTES.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *